Determinação da Pressão Ambiental que o Uso da Terra Exerce sobre os Recursos Hídricos na Bacia Hidrográfica do Rio Juqueri, no Município de Mairiporã, Estado de São Paulo, Brasil

  • Diego Javier Ortega Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Sorocaba, Brasil.
  • Marcelo Luiz Martins Pompêo Universidade de São Paulo, USP, Brasil
Palavras-chave: Geoprocessamento, Atividades Antrópicas, Contaminação, Degradação Ambiental

Resumo

O trabalho objetivou determinar as relações existentes entre o uso da terra e a qualidade da água, mediante correlações canônicas existem entre os parâmetros que compõem o IQA e as mudanças nos últimos 30 anos, a partir das imagens de satélite LANDSAT 5, 7 e 8 mediante classificação supervisionada se determinou 6 classes de uso. Para se determinar o IQA na bacia foram coletadas 8 amostras no período de verão e 8 no inverno nos anos de 2015 e 2016 em 3 pontos da bacia, na parte alta, média e na foz. Os resultados obtidos revelaram que os corpos de água sofreram uma diminuição de área que passou de 1,1% para 0,68 % diminuindo em total 0,42%. Referente ao IQA em alguns pontos amostrais foram observados valores abaixo de 51 que se classifica como regular para consumo humano. Encontrou-se correlações entre a diminuição nos valores de DBO pelas áreas urbanas. Diante do exposto, verifica-se a necessidade, de planejamento do uso e ocupação das terras na área da bacia.

Biografia do Autor

Diego Javier Ortega, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Sorocaba, Brasil.
Doutorado em Ciências Ambientais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Marcelo Luiz Martins Pompêo, Universidade de São Paulo, USP, Brasil
 Doutorado em Ciências da Engenharia Ambiental pela Universidade de São Paulo, USP, Brasil. Docente na Universidade de São Paulo, USP, Brasil

Referências

Araújo VS, Santos JP. Araújo AC 2007. Monitoramento das águas do rio Mossoró/RN, periódico Holus. A. 3.

BRASIL. [homepage on the internet]. Dispõe sobre a classificação dos corpos de água e diretrizes ambientais para o seu enquadramento, bem como estabelece as condições e padrões de lançamento de efluentes, e dá outras providências: Resolução nº 357 do Conselho Nacional de Meio Ambiente. [update 2005 Mar 18; cited 2017 Abril 10]. Available from: http://www.mma.gov.br/port/conama/res/res05/res35705.pdf
Carreón T, Díaz J, López E 2013. Evaluación de la Calidad del Agua en la Laguna de Yuriria, Guanajuato, México, Mediante Técnicas Multivariadas: Un Análisis de Valoración Para dos Épocas 2005, 2009-2010. Revista Internacional de Contaminación Ambiental. ISSN 0188-4999. 29 (3) 147-163,

CETESB Companhia Ambiental Do Estado De São Paulo – [homepage on the internet]. Índice de qualidade das águas – IQA. São Paulo. [update 2007 Fev 21; cited 2016 Dec 11]. Available from: http://portalpnqa.ana.gov.br/indicadores-indice-aguas.aspx
Coelho, F.S. & Verlengia, F 1993. Fertilidade do solo. Campinas, Instituto Campineiro de ensino agrícola. 384p.
Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB) 2014. Qualidade das águas superficiais no estado de São Paulo, São Paulo. 371p.

Cunha DF, Calijuri MD 2011. Limiting factors for phytoplankton growth in subtropical res ervoirs: the effect of light and nutrient avail ability in different longitudinal compart ments. Lake Reserv. Manag. 27: 162-172.
EMPLASA Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano S.A. [homepage on the internet]. Atlas de Uso e cobertura da terra de Mairiporã [update 2001 Jun 1; cited 2017 Jan 20]. Available from: https://www.emplasa.sp.gov.br/Cms_Data/Sites/EmplasaDev/Files/Documentos/Cartografia/Atlas/RMSP/Atlas_Mairipora.pdf.
Ferreira W. Estudo de patógenos e metais em lodo digerido bruto e higienizado para fins agrícolas, das estações de tratamento de esgotos da ilha do governador e da Penha no estado do Rio de Janeiro. [Dissertação de Mestrado]. Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública, 2010 [citado o 2016 Nov 10]. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/36168803_Estudo_de_patogenos_e_metais_em_lodo_digerido_bruto_e_higienizado_para_fins_agricolas_das_estacoes_de_tratamento_de_esgotos_da_Ilha_do_Governador_e_da_Penha_no_Estado_do_Rio_de_Janeiro_electronic_reso
Fia R, Tadeu HC, Menezes JPC, Fia, FRL, Oliveira LFC 2015. Qualidade da água de um ecossistema lótico urbano. Revista Brasileira de Recursos Hídricos, v. 20, n. 1.
Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo – FUSP 2009. Plano de Bacia Hidrográfica do Alto Tietê.

IBGE Instituto Brasileiro De Geografia E Estatística 2012. Manual Técnico da Vegetação Brasileira, IBGE, Rio de Janeiro.

IDEAM 2010. Leyenda nacional de coberturas de la tierra, Metodología CORINE Land Cover adaptada para Colombia escala 1:100.000. Instituto de Hidrología, Meteorología y Estudios Ambientales.
Malavolta, E 1996. Manual de química agrícola: Nutrição de plantas e fertilidade do solo. São Paulo, Editora Agronômica Ceres. São Paulo. 528 p.
Martins DFF, Souza RB, Oliveira TM, Souza LD, Castro SSL 2008. Qualidade físico-química das águas da bacia hidrográfica do rio Apodi/Mossoró: I- Variabilidade espacial. Química no Brasil. Anais do I congresso norte-nordeste de química, Natal. Vol. (2), 61-74.
Menezes J, Bittencourt R, Farias M, Bello I, Fia R, Coutinho L 2016. Relação entre padrões de uso e ocupação do solo e qualidade da água em uma bacia hidrográfica urbana. Revista de Engenharia Sanitária e Ambiental. Vol.21 n.3. p 519-534.
Oliveira-Filho PC, Dutra AM, Ceruti FC 2012. Qualidade das águas superficiais e o uso da terra: estudo de caso pontual em bacia hidrográfica do oeste do Paraná. Revista Floresta e Ambiente, Seropédica, v.19, v.1

Pérez-Ortega DJ, Pérez D, Américo J, Carvalho S, Segovia J 2016. Development of Index of Resilience for Surface Water in Watersheds. Journal of Urban and Environmental Engineering, v.10, n.1, p.72-82.
Plano Municipal De Saneamento Básico de Mairiporã 2013. Volume I. Plano Municipal dos Sistemas de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário.

Ribeiro KH. Qualidade da água superficial e a relação com o uso do solo e componentes ambientais na microbacia do rio Campestre, [Dissertação de Mestrado] Colombo. Universidade Federal do Paraná, 2009. [citado o 2016 Nov 10]. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S010006832014000200030&script=sci_abstract&tlng=pt
Publicado
2017-12-31
Como Citar
Ortega, Diego Javier, e Marcelo Martins Pompêo. 2017. “Determinação Da Pressão Ambiental Que O Uso Da Terra Exerce Sobre Os Recursos Hídricos Na Bacia Hidrográfica Do Rio Juqueri, No Município De Mairiporã, Estado De São Paulo, Brasi”l. Fronteiras: Journal of Social, Technological and Environmental Science 6 (3), 264-86. https://doi.org/https://doi.org/10.21664/2238-8869.2017v6i3.p264-286.