Esteatose hepática não alcoólica: uma análise dos seus fatores de risco

  • Aline Otoni Mesquita
  • Eduardo Francisco Cardoso
  • Larissa Guerra Fernandes
  • Valéria Menezes de Souza
  • Bianca Rosa Rodrigues Rebelo
Palavras-chave: doença hepática gordurosa não-alcoólica, fatores de risco, fatores genéticos

Resumo

A doença hepática gordurosa não-alcoólica (DHGNA) é causada pela deposição excessiva de lipídeos nos hepatócitos, cuja causa não pode ser atribuída à ingesta de álcool, medicamentos e outras doenças como hepatites virais e doenças autoimunes. Essa patologia tem ganhado grande destaque devido a sua alta prevalência e a variedade de fatores de risco envolvidos, desde disfunções metabólicas até fatores genéticos. Diante disso, esse trabalho objetiva revisar os possíveis fatores de risco relacionados à DHGNA. Com a análise dos artigos foi possível verificar que a obesidade e a síndrome metabólica são importantes fatores de risco para a DHGNA e podem ser combatidos por meio de uma dieta restritiva e exercícios físicos. Além desses fatores, as tendências genéticas e o sexo masculino são importantes na determinação do risco e predisposição à doença. A partir dessa revisão literária foi possível concluir que a doença hepática gordurosa não-alcoólica está diretamente relacionada a diversos fatores de risco (questões genéticas, obesidade, síndrome metabólica, dentre outros) e faz-se necessário a aplicação de políticas públicas para a sua prevenção e diagnóstico precoce.

Referências

CRUZ, J. F. et al. Relação entre a esteatose hepática não alcoólica e as alterações dos componentes da síndrome metabólica e resistência à insulina. Rev. Soc. Bras. Clín. Méd, v. 14, n. 2, p. 79-83, 2016.

DIVELLA, R. et al. Obesity, Nonalcoholic Fatty Liver Disease and Adipocytokines Network in Promotion of Cancer. International journal of biological sciences, v. 15, n. 3, p. 610-616, 2019.

LIU, X. et al. An observational study on the association between major dietary patterns and nonalcoholic fatty liver disease in Chinese adolescents. Medicine, v. 97, n. 17, 2018.

TIWARI-HECKLER, S. et al. Circulating phospholipid patterns in NAFLD patients associated with a combination of metabolic risk factors. Nutrients, v. 10, n. 5, p. 649, 2018.

VESPASIANI-GENTILUCCI, U. et al. Combining Genetic Variants to improve Risk Prediction for NAFLD and Its Progression to Cirrhosis: A Proof of Concept Study. Canadian Journal of Gastroenterology and Hepatology, 2018.
Publicado
2019-07-03
Seção
RESUMOS - Medicina Preventiva