UTILIZAÇÃO DA CÂNULA NASAL DE ALTO FLUXO EM RECÉM-NASCIDOS: REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

  • Débora Alline Ketzer Rosinieski Faculdade Inspirar
  • Daniella Alves Vento

Resumo

O uso de ventilação não-invasiva (VNI) é prática comum nas unidades pediátricas e neonatais de hospitais pelo mundo todo. A cânula nasal de alto fluxo (CNAF) pode beneficiar estes pacientes no tratamento de disfunções respiratórias. O objetivo do presente estudo é realizar um levantamento bibliográfico sobre as atuais evidências da utilização da CNAF envolvendo o seus efeitos clínicos, segurança e tolerância do uso em recém-nascidos. Trata-se de uma revisão bibliográfica, com inclusão de artigos publicados entre 2013 e 2017. Catorze estudos foram incluídos e analisados. Nosso estudo mostra que baseado nas evidências atuais do uso da CNAF ainda não se pode afirmar que esta terapia seja superior a qualquer outra, mas os resultados demonstram bons efeitos clínicos em recém-nascidos e lactentes, boa tolerância e segurança de uso desde que o paciente receba monitoração adequada e constante.
Publicado
2018-12-21
Seção
REVISÃO DE LITERATURA