AVALIAÇÃO DAS QUALIDADES HIGIÊNICOSSANITÁRIAS DAS UNIDADES DE ALIMENTAÇÃO DAS ESCOLAS MUNICIPAIS E CEMEI DO CARMO DO RIO VERDE-GO

  • Gilmar Aires da Silva Faculdade Evangélica de Ceres
  • Carla Cristina Gomes Faculdade Evangélica de Ceres
  • Millena da Silva Coelho Faculdade Evangélica de Ceres
Palavras-chave: Alimentação, alimentação de qualidade, manipulador

Resumo

Introdução: A alimentação de qualidade é muito importante na vida do ser humano especialmente por ajudar a manter a saúde do indivíduo, portanto a alimentação escolar tendo como base o PNAE contribui significativamente nas condições nutricionais de crianças e jovens, mas para isso é preciso que os manipuladores dos alimentos e o ambiente estejam capacitados a realizar manipulação dos alimentos segundo as RDC/ANVISA n° 216/2004 e n°275/2002 que tratam das condições higiênicossanitárias e Boas Práticas de fabricação dos alimentos. Objetivos: avaliar a qualidade higiênicossanitária dos manipuladores, utensílios, ambiente e alimentos que são servidos nas escolas e CEMEI da rede municipal de ensino da cidade de Carmo do Rio Verde-GO e confrontar os dados coletados, com os dados propostos nas normas de vigilância sanitária. Metodologia: estudo de campo de caráter qualitativo e quantitativo que foi realizado em quatro escolas na área urbana de Carmo do Rio Verde-GO, com aplicação de check-list. Resultados e discussão: Os resultados indicam mais de 60% de conformidades nas unidades avaliadas.  As instituições se enquadram no grupo 2 conforme padrão estabelecido pela RDC nº 275 de 21 de outubro de 2002 da ANVISA/MS na qual se tem de 50 a 75% de atendimento aos itens. Conclusão: De acordo com os resultados obtidos nesse estudo, fica claro que existem falhas na qualidade higiênicossanitária da merenda escolar das instituições pesquisadas, são necessários medidas corretivas em relação às instalações, manipuladores, equipamentos e utensílios para que se atenda as recomendações das RDC 275 E 216.
Publicado
2018-11-07