Biotecnologia e Sustentabilidade: Potencial de digestão anaeróbia na redução de resíduos, na produção de energia e de biofertizantes

  • Alfiado Victorino Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP
  • Joao Nildo de Souza Vianna Universidade de Brasília - UnB
  • Izabel Cristina Bruno Bacellar Zaneti Universidade de Brasília – UnB
  • Maria Tereza Lima Vilarinho Universidade de Brasília – UnB

Resumo

Este artigo visa instalar e qualificar uma unidade sustentável: Projeto “Vitrine da Sustentabilidade”, demonstrativa de produção e uso de bioenergia e biofertilizantes. Analisa o desempenho de um reator tubular de PVC de 10 m3 no tratamento de resíduos alimentares do Restaurante da Universidade de Brasília. Analisou-se: taxa de carga orgânica, pH, temperatura, taxa de remoção de sólidos, produção de biogás e sua composição. O reator operou experimentalmente em condições de relativa estabilidade térmica, durante quatro meses em ambiente mesofílico (22-33ºC) com taxa orgânica média de 23,9 kgSV/m3 dia. Apresentou uma taxa de produção média de biogás de 13,8 dm3/kgSVdia, taxa de remoção de sólidos totais (96%) e taxa de remoção de sólidos voláteis (18.7%). O biogás apresentou maior concentração de CO2 e frações de outros gases, sem apresentar concentrações consideráveis de metano. O projeto tem potencial de eficiência e replicabilidade para inovação tecnológica na produção de Biogás e Biofertilizante.

Biografia do Autor

Alfiado Victorino, Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP
Mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP.
Joao Nildo de Souza Vianna, Universidade de Brasília - UnB
Doutor pela Ecole Nationale Supérieure d'Arts et Métiers – ENSAM, PARIS/França. Docente na Universidade de Brasília - UnB, Brasil. 
Izabel Cristina Bruno Bacellar Zaneti, Universidade de Brasília – UnB
Doutora em Desenvolvimento Sustentável pela Universidade de Brasília - UnB. Docente na Universidade de Brasília – UnB. Brasil.
Maria Tereza Lima Vilarinho, Universidade de Brasília – UnB
Graduação em andamento em Ciências Ambientais pela Universidade de Brasília – UnB. Brasil.
Publicado
2016-06-28
Como Citar
Victorino, Alfiado, Joao Vianna, Izabel Cristina Zaneti, e Maria Tereza Vilarinho. 2016. “Biotecnologia E Sustentabilidade: Potencial De Digestão Anaeróbia Na Redução De Resíduos, Na Produção De Energia E De Biofertizante”s. Fronteiras: Journal of Social, Technological and Environmental Science 5 (1), 68-87. https://doi.org/https://doi.org/10.21664/2238-8869.2016v5i1.p68-87.
Seção
Dossiê - Biotecnologia e Inovação: Dos laboratórios de Ensino e Pesquisa às Políticas Públicas