Reconstrução histórica da introdução, difusão e disputa a respeito dos transgênicos no Brasil: das contendas jurídicas à opinião pública

  • Biancca Scarpeline de Castro Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – UFRRJ

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar o processo de introdução, difusão e a disputa a respeito da autorização dos OGMs no Brasil, com foco no caso da soja transgênica. Serão enfatizadas as contendas sobre a sua rotulagem e uma pesquisa relacionada à opinião pública. Nesse artigo será demonstrado que as disputas relacionadas aos OGMs foram muito polarizadas no Brasil e se desenrolaram como conflitos de riscos. Será visto que a rotulagem desses organismos é controversa e está sendo questionada atualmente no congresso nacional. Por fim, será mostrado que na pesquisa realizada o consumidor parece estar está mais preocupado com as questões relacionadas à contaminação (biológica e química) e às características nutricionais dos alimentos do que com a biotecnologia vegetal.

Biografia do Autor

Biancca Scarpeline de Castro, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – UFRRJ
Doutora em Doutorado em ciências sociais pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP. Docente na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – UFRRJ. Brasil.
Publicado
2016-06-28
Como Citar
Castro, Biancca. 2016. “Reconstrução Histórica Da Introdução, Difusão E Disputa a Respeito Dos Transgênicos No Brasil: Das Contendas Jurídicas à Opinião Públic”a. Fronteiras: Journal of Social, Technological and Environmental Science 5 (1), 43-67. https://doi.org/https://doi.org/10.21664/2238-8869.2016v5i1.p43-67.
Seção
Dossiê - Biotecnologia e Inovação: Dos laboratórios de Ensino e Pesquisa às Políticas Públicas