Análise do tipo de dano causado por Croton urucurana em Candida albicans

  • André Lucas Seixas Macalão
  • Edson Jose Pereira Junior
  • João Manoel Palmeira Ferrato Gomes
  • Mikaela Aires Martins Ribeiro
  • Paola Souza Manzi
  • Thalita Lisboa Cunha
  • Renata Silva do Prado

Resumo

RESUMO: Candida spp. São fungos diploides e polimórficos encontrados em diversos ecossistemas, que fazem parte da microbiota normal de homens e de animais. Essas leveduras podem tornar-se patogênicas devido a um desequilíbrio na relação microorganismo/hospedeiro. Os produtos naturais, sejam de origem animal, vegetal ou mineral, têm sido utilizados desde a Antiguidade para o tratamento de diversos tiposde doenças na humanidade e são potenciais matérias-primas para a aquisição de novos fármacos. Dessa maneira, evidencia-se as potenciais propriedades terapêuticas da Croton urucurana, popularmente conhecida como ‘’Sangra d’água’’, que apresenta diversas aplicações medicinais devido aos seus efeitos anti-inflamatorios, analgésicos, cicatrizadores, antidiarreicos, antimicrobianos e antifúngicos. Diante desse contexto, o presente trabalho tem como objetivo identificar o tipo de ação gerada por C. urucuranaem C. albicans e analisar a atividade citotóxica da planta em células humanas normais. Será realizada a obtenção do extrato hidroalcoolico de C. urucurana, e o cultivo e manutenção do fungo C. albicans, a avaliação do dano mitocondrial e o dano ao material genético causados pela planta nas células fungicas e a descrição do seu dano às células humanas. Espera-se que a atividade antimicrobiana do extrato da C. urucurananão exerça efeito deletério em células humanas ou que, caso existente, seja pequeno, a fim de apresentar um possível candidato a fármaco que se revele uma alternativa de tratamento mais viável para as infecções por C. albicans.
Publicado
2020-06-23
Seção
RESUMOS - Educação em Saúde