Atividade Anti-Candida do Extrato Etanólico de Libidibia ferrea

  • Anna Luísa Barbosa Fernandes
  • Gil Guimarães Barbosa Trivelli
  • Júlia de Abreu Monteiro
  • Marina Ramos Ribeiro
  • Pedro Tomaz Esper Tomaz Esper
  • Renata Silva Do Prado

Resumo

RESUMO: A candidíase dentre as infecções fúngicas que acometem seres humanos apresenta relevância,tendo a Candidaalbicans como o agente etiológico mais comum, porémC.Parapsilosise C. tropicalistêm emergido como causadoras de episódios de candidíase. Nativa da mata atlântica brasileira, a Libidibiaferrea, é uma planta que tem sido estudada porsua capacidade de controle microbiológico. O presente trabalho tem como objetivo avaliara atividade antifúngica de L. Férrea sobre C. parapsilosis, C. albicans e C. tropicalis. A avaliação da capacidade antifúngica dos extratos etanólicos de L. Férrea será feita por meio dométodo de macrodiluição seriada, determinando-se a concentração inibitória mínima(CIM), e por meio do teste de sensibilidade em placas e do método de disco de difusão.Além disso, será realizada a análise do sinergismo entre o extrato e antifúngicos tradicionalmente utilizados. Assim, espera-se que o extrato etanólico de L. ferrea iniba o crescimento das células de Candidassp, gerando então um candidato a antifúngico em associação ao tratamento convencional ou em monoterapia.
Publicado
2020-06-22
Seção
RESUMOS - Medicina Preventiva