Experimentação e uso de narguilé entre estudantes de medicina: um estudo comparativo

  • Ana Vitória Costa Braga
  • Camila Gomes Vieira
  • João Nascimento Mendonça Neto
  • Lucas Lourenço Almeida
  • Stéphanie Cândida Abdala Gomes
  • Andreia Moreira da Silva Santos

Resumo

RESUMO: O tabagismo é um caso de saúde pública no mundo, sendo fator de risco para inúmeras doenças. Embora, atualmente, observa-se uma queda do consumo de cigarros tradicionais e nota-se um grande aumento do uso de métodos não convencionais de uso do tabaco, tal como narguilé, em especial entre os jovens. O presente estudo tem como objetivo comparar os dados obtidos em 2016 por Oliveira com os dados atuais, que serão colhidos em 2021 para este estudo. Logo, a presente pesquisa buscará trazer dados com relevância que amplifiquem o conhecimento epidemiológico até então escassos sobre esses novos dispositivos do tabaco. Trata-se de uma pesquisa epidemiológica, analítica transversal, quantitativa. O estudo será realizado com estudantes universitários do curso de Medicina– UniEvangélica. Como instrumentos de coleta de dados será utilizado um questionário estruturado sobre a experiência da utilização de cigarro eletrônico e narguilé, será aplicada ainda uma ficha sócio demográfica. Pretende-se com este estudo comparar o número de usuários de cigarros eletrônicos, como o narguilé, pelo estudo conduzido em 2016 por Oliveira com as dados que serão obtidos em 2021.  
Publicado
2020-06-22
Seção
RESUMOS - Envelhecimento e Epidemiologia das Doenças Crônicas Não Transmissiveis