Avaliação da adesão e preferência do paciente ao tratamento de DPOC e Asma com dispositivos inalatórios

  • Allan Neves Júnior
  • Lucas Da Mota Louredo
  • Maria Clara Emos De Araújo
  • Pedro de Freitas Quinzani
  • Yaman Paula Barbosa
  • Patrícia Ferreira Da Silva Castro
Palavras-chave: DPOC, Doenças obstrutivas, Asma, Dispositivos inalatórios, Adesão

Resumo

A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) e a asma estão entre as principais doenças pulmonares obstrutivas que se caracterizam pelo aumento da resistência das vias aéreas e que possuem como consequência, dentre outras, a diminuição da qualidade de vida do paciente, podendo levar até mesmo a morte. O tratamento farmacológico dessas comorbidades é feito por meio de dispositivos inalatórios, que podem ser divididos em quatro tipos: inaladores pressurizados dosimetrados, com ou sem câmara expansora, de pó seco, de névoa suave e nebulizadores. No entanto, uma das principais causas de agravo dessas doenças é a falta de adesão ao tratamento medicamentoso pelo paciente por diversos motivos, dentre eles a dificuldade de utilização dos dispositivos inalatórios e os erros cometidos ao usá-los. O objetivo do presente estudo é analisar os fatores que corroboram para a não adesão do paciente ao tratamento com dispositivos inalatórios, além de avaliar o sistema com maior preferência pelos usuários. A metodologia do trabalho é uma pesquisa aplicada, com abordagem qualiquantitativa, observacional, descritiva e de caráter transversal, através da aplicação de questionários aos pacientes de uma instituição de saúde, o Ambulatório Central de Anápolis. Em relação aos resultados, é esperado que a adesão ao tratamento dos pacientes portadores de doenças pulmonares crônicas de caráter obstrutivo seja de moderado a baixo. Tendo em vista que a morbimortalidade relacionada a tais afecções, torna imprescindível uma análise de quais são os fatores que melhor predizem um seguimento adequado da terapia instituída pelo profissional de saúde. É esperado também que os portadores de DPOC possuam menor índice de adesão do que os asmáticos.
Publicado
2019-07-03
Seção
RESUMOS - Envelhecimento e Epidemiologia das Doenças Crônicas Não Transmissiveis